segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Não importa em que porra você ande...

...desde que você ande.
Se foi você que fez então, quem tem moral pra falar ?!?


Num pode Hot de fibra. Num pode Hot 6 cilindros. Num pode Hot injetado. Num pode Honda. Num pode Yamaha. Num pode isso. Num pode aquilo.

Um mané endinheirado vai e compra um Ford 29 devidamente cortado, mexido e transformado. Hot Rod segundo as cartilhas ancestrais, imutáveis.

Um fudido lá das profundesas da Baixada Fluminense prepara ele mesmo seu opala, corta daqui, massa dali, fibra aquilo, injeção e turbo no seiscanecos. Meses trancado, estourando os dedos, unha preta, fazendo do seu jeito. O resultado ? Um heretico Hot bragilero, completamente fora dos padrões das "cartilhas imutáveis".

Não pode ? Não pode o cacete !

"Hot de fibra não tem alma". Alma de cu é rôla !!!

Na década de 60 Ed Roth fez maravilhas até hoje reverenciadas, em fibra. Ed Roth. Da Santissima Trindade Von Dutch, George Barris e Ed Roth.

Vai discutir com Santo ?

Valorizo muito mais o maluco da CB 400 Chopper meio ratoeira, mas que ele fez com amor trancado na garagem de casa, que o milionário que tem uma coleção de Ford 29 Hots e nunca cagou a mão de graxa.

Ou seja,
cerveja.

3 comentários:

Henrique disse...

Lord!
Nunca concordei tanto com você como nesse post!
Neguinho gosta de falar que pode e o que não pode! Vão todos se f*der!!
Acha um fordeco 32 pra gente montar um hiboy. Aonde? Sei-lá eu, mas de fibra não pode. Não pode é o c*ralho!! Pode e fica lindo! Com motor de opalera, pode! Com ap 1.8 turbo, estranho! Mas se é o que eu tenho na mão pode também!! Falou e disse!!

sakai disse...

disse tudo.

Lord Of Motors disse...

Henrique,
tenho alguma experiencia com motor AP 1.8 Turbo, já tirei(tiramos, que não faço nada sozinho) mais de 200 cavalos de um.
O ponto é que muita gente não entende o conceito Hot Rod básico: uma maquina feita com amor, visando velocidade e torque.
O resto é perfumaria...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...