quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Coxearam?



Todos temos o hábito de usar "filtros" para interpretar as coisas. É na comparação que conseguimos compreender o mundo que nos cerca.

É muito comum "filtrar" o passado, lembrando somente das coisas boas, e apagando da memória as coisas ruins. "No meu tempo que era bom..."

É comum também usar um "filtro" oposto: ver todas as coisas ruins que acontecem agora, e prever coisas ainda piores pro futuro. "Hoje em dia é uma bosta..."

Quando comparamos usando filtros diferentes para o passado e para o futuro, é que COMEÇAMOS A ENVELHECER.




Antigamente, somente um ou outro endinheirado, sortudo ou bem relacionado podia se dar ao luxo de andar de Harley.

Nós, reles mortais, tínhamos à nossa disposição no máximo (e aí vou falar da minha geração) as CB 400, estradeira máxima da minha época. Voce acha que as Amazonas usavam motor de fusca porque? Porque TINHAM O SOM PARECIDO COM AS HARLEY. Quem não viveu essa época dificilmente terá noção de como eram toscos e distantes nossos sonhos.

Graças - ou apesar de - aos mal falados Izzo, isso mudou. As Harley vieram, se popularizaram, e estão aí. Um mercado forte, e em plena expansão.

Agora, a Harley Davidson assumiu a parada. Veio com a força da marca, com investimento real e pesado, entrando no mercado para dominar. Pronta pra limpar a imagem que os antigos representantes deixaram maculada.

EU ACREDITO NA HARLEY DAVIDSON.

Pra mim, a Harley no Brasil começa agora.

E faço questão de participar desde o início.

Se isso faz de mim um coxa... prefiro ser coxa a usar o filtro errado para ver o que vem por aí.


11 comentários:

Careca disse...

cutuquei porque sabia que a resposta ia ser ótima.

mandaram bem.

Marcos Ernani disse...

Porque este termo "coxa"? Alguem sabe de onde veio isto?

Anônimo disse...

O termo na minha concepção, que eu mesmo a criei... é por conta de existir em qualquer boteco (do brasil pelo menos) uma coxinha, normalmente bem da "vagabunda", ou seja, em cada esquina tem um e td igual a outra, sem qualidade!!! A comparação são nesses pontos, pois há quem goste de uma bela cerva gelada, ovo colorido e coxinha de boteco, mas aí a história é outra...

*****ÍNDIO***** disse...

Lord,

Pra mim vc não é nem um pouco coxa, mto pelo contrário bato palmas para vc, sem querer puxar saco!

Vc é motociclista (ou motoqueiro, como preferir) com M maiúsculo. Tu não anda alguns KM e se sente satisfeito, vc não foge de chuva, vc é companheiro, irmão, amigo, leal e fiel, independente do pensamento ser OLD School ou não, pois isso são princípios e não o que define o kra.

Vc pra mim é simplesmente No Color, e segue tua vida com amigos em cada esquina.

Pra mim coxa, é o kra q não segue nada do que a galera de Clube, que não procura seguir no mínimo as principais regras Tradicionais, que não possuem respeito, honra e lealdade, coisas básicas que todos os MCs deveriam incutir e exigir de seus integrantes... Coxa pra mim é o kra q fala um monte de asneira e se acha o tal, diminuindo ou aumentando esse ou aquele MC, sem ter bagagem nem conhecimento para falar, enfim... é mta coisa, daria pra fazer um post disso, mas como o intuito do bloque não é esse, me resumo a dizer:

Parabéns pelo post, desculpe-me pelo desabafo e vc tá mto loooonge de ser um coxa!!!

Grande abraço do amigo aqui.

Anônimo disse...

Primeiro, parabenizar pelo blog, ótimo, primeira vez que posto algo!
Bom, não sei dizer nada sobre os coxas, também porque sou muito quebrado de grana, e nem amigo coxa tenho, mas acho bom que eles se empolguem com o estilo comprem muitas Harleys, na verdade, que eles troquem de Harley todo ano, assim, sobram um monte no mercado para nos molifica-las, pinta-las, serra-las ao nosso gosto! não é mesmo? Valeu gente, se falei besteira me perdoem!

karuna disse...

Essa canção é quase uma oração!!!! ;)

Strufaldi(nick no FHD) disse...

Lord, não se trata de Coxas ou Filtros. Imagino que você tenha lido o meu blog. Se não o fez, por favor faça (inimigosdahd.blogspot.com).

Desde sempre(da izzo até agora) a HD está presente. Para mim pouco importa a izzo, pois eles tinham um contrato de exclusividade no Brasil em nome da HD.

Sendo assim, tivemos e "AINDA" temos serios problemas no "aftersales", antes e depois da chegada oficial da HD no Brasil.

Eu sou Harleyro desde os meus tenros 12/14 anos(epoca do filme easy rider)e apenas em 2009 consegui a minha, e como você pode imaginar, nem penso em vender a Anna Held.

Os caras não vieram ao Brasil de uma forma inesperada. Tiveram tempo suficiente para chegar aqui sabendo o que deveriam encontrar, logo, deveriam ter um macro plano de ação de curto / médio e longo prazo.

E o que temos até hoje? Temos um caminhão de "propriotários" reclamando de erros imperdoáveis(vide o meu caso no blog)e qual a reação de respeito que se vê? Eu afirmo que é nenhuma, eles querem que você não os procure mais, apenas e tão somente se for comprar outra moto.

Dessa forma, não abro mão do meu adquirido direito de criticar esses "executivos" imbecis e idiotas da HD do Brasil e posso garantir que é direto, ou seja, sem nenhum filtro.

Abraços e obrigado pelo espaço.

Anônimo disse...

Fazia tempo que não lia algo de conteúdo em blogs. Parabéns.

Anônimo disse...

Há agora entendi o porque do blog so praticamente ser destinado a assuntos sobre as HD... cada homem tem seu preço uns custam o preço de uma coxinha outros um pouco mais, mas quem define o preço da coxinha também é o proprio homem então foda se o termo usado, o adjetivo ou como quer que se denomine... não importa o dedo de quem aponta ou a critica e quem a faz, o merito é sempre de quem está na arena! Abço Bill

Careca disse...

Chicken pie ou weekend warrior's nos estates

Anônimo disse...

Para mim a diferença entre a Izzo e Harley comandando os negócios no Brasil foi somente a troca de endereço.

Fora o tempo para emplacar a moto, nada mudou.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...