quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Bob Tequila por Bob Tequila



Ficar velho é uma merda. Não que eu seja velho. Mas o suficiente para ter a agenda cheia de compromissos que eu não queria ter. Saudades do tempo em que não tinha que dar satisfações nem para o papagaio.

Sábado passado teve o Garage Sale. Fiquei sabendo que arrebentou. E fiquei puto porque não consegui ir. Um compromisso de família, algumas milhas distante, me impediu de comparecer. Esperançoso que os meninos colocassem as fotos da bagunça para eu ver como foi, e aproveitando que não tinha nenhuma loira cachorra pra me consolar, virei a noite fuçando o blog.

Essa porra vicia. Não sabia disso. Blog addicted. Mundo moderno.

Resolvi então fazer uma apresentação de mim mesmo, se é que essa porra existe. Até porque os meninos tinham pedido pra eu fazer. Sabe como é moleque novo né, cagando regrinha. Primeiro tem que se apresentar, depois começa a escrever.

Hã?

Coméquié?

Depois dizem que pato novo não mergulha fundo e nego não sabe porque.

Comigo é assim: buceta cu, cu buceta, buceta cu. Nunca segui regra nenhuma.

Enfim...

Bob. Bob Tequila. É assim que sou conhecido pelos irmãos e amigos mais próximos. Sempre gostei de rodar de moto. E rodo pra caralho. Sempre fui assim. Nunca me importei com distâncias. Quando morava no RJ, cansei de fazer happy hour em SP e voltar logo depois.

Minha paixão é minha bicuda. Para os ignorantes, uma Shovel. E digo logo, deixa muita HD mais nova comendo poeira. Singelas 04 marchas endiabradas que causam um estrago. Mas também, não é pra menos, mexida até o talo. Sempre andei com cabo enroscado. "Ride like you stole it". Comigo era assim. Comigo é assim. Mas isso já é outra história.

Quando fui PP, fui PP sozinho. Ou seja, ralei muito. Muito mesmo. Só que, por mais que fizesse tudo o que me pediam, sempre tinha muita coisa pra fazer. Não conseguia parar quieto um segundo que fosse. E foi assim que surgiu a primeira parte do meu apelido.

Sempre que algum escudo vinha me pedir algo, como uma forma de me sacanear, mesmo sabendo a porrada de coisa que eu já tinha feito e que ainda tinha pra fazer, sempre chegava dizendo algo do tipo: "O PP, já que você tá de bobeira aí, faz numseiquelá pra mim."

De bobeira, passou pra bob. E de bob, pra Bob. Eu era o Bob, que, supostamente, estava sempre de bobeira.

E eu odiava isso. Ou seja, o apelido pegou.

Isso me faz lembrar uma puta festa que fizemos em um aniversário do MC. Como disse eu era o único PP, logo... Limpeza, caixa, bar, churrasco, segurança, etc, etc, mais uma porrada de coisas, etc, etc, outra porrada de coisa, etc, etc, etc...

Chegou uma hora que eu precisei, digamos, fazer necessidades fisiológicas. Ou seja, queria cagar. Queria não, precisava. E já estava segurando há algumas horas, por absoluta falta de tempo de dar uma corrida no banheiro.

Como já disse, nunca gostei de ser chamado de Bob. Era um cara pró-ativo, e achava aquilo uma injustiça. Santa ingenuidade de um PP. Mas de uma coisa eu não tinha menor dúvida. Bob sempre seria muito melhor que Freada.

Quando esse pensamento me veio em mente, não pensei duas vezes e corri pro banheiro. Já cheguei tirando as calças e cagando. Esqueci de fechar a porta. Nisso passou um escudo antigo e me viu sentado ali. Não pensou duas vezes e disparou: "Qualé Bob, vai ficar de bobeira no meio da festa, tá maluco?"

Eu olhei pra cara dele. Vontade de mandar ...

Respirei fundo.

De forma pacífica e com uma calma divina eu respondi sereno:

"Você não está vendo que estou cagando?"

Ele fez um sinal de negativo com a cabeça e saiu resmungando:

"PQP... PP é foda, quando não tá de bobeira tá fazendo merda..."

Depois dessa eu liguei o foda-se e acabei me acostumando em ser o Bob.

Quanto à parte final do apelido, que só ganhei depois de fechar meu escudo, essa foi conquistada com muito louvor. Merecimento mesmo.

E a explicação é mais ou menos assim: http://www.hystericpeople.com/tequila/

Até.
Bob Tequila

3 comentários:

Lixo Morlocks disse...

Esse barato de blog é da hora mesmo!!! Outro dia já tinha visto de tudo e resolvi ver o primeiro post do blog (muita falta de assunto mesmo)!!!

Vai ser legal ler sobre assuntos mais ligados a moto clube!!

Seja bem vindo!!

Anselmo A. Peretto disse...

Histórias de MCs são sempre interessantes!

automatic likes instagram disse...

Muito bom o post vou sempre visitar seu blog !!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...